quinta-feira, 7 de abril de 2011

LIÇÕES QUE NOS VEM DE NEEMIAS

Por Taciano Cassimiro

  Texto: Neemias 1. 1 – 4 
( sugerimos a leitura de todo livro )
Reflexão
A Alemanha teve Martinho Lutero ( 1483-1546 ),  a Suíça, Zwinglio ( 1484-1531 ) e Calvino ( 1509-1564), Escócia, John Knox ( 1514-1572 ) e a Inglaterra no período da Segunda Grande Guerra Mundial contou com Winston Churchill ( 18741965)


Todos estes foram grandes homens, e ajudaram seus países a superarem suas crises, a ponto de transformar a história de suas nações para sempre, e deixar um grande legado.
Alguns impérios dominaram e ultrajaram o povo de Deus no Antigo e Novo Testamento, a saber: O Egito, Assíria, Babilônia, Pérsia, Grécia e Roma.

No período Persa surgiu o judeu, Neemias, ( Javé Conforta ), copeiro de ARTAXERXES (Artaxerxes Longimanus), grande homem, servo e audacioso, que mudaria a história do seu povo. Neemias liderou um grupo que voltou do CATIVEIRO para Jerusalém, onde foi governador e realizou reformas. Foi um homem de habilidade, coragem e ação. Em tudo dependia de Deus, aquém constantemente recorria em oração.

As mudanças promovidas por Neemias contêm elementos espirituais, morais e vivenciais, e que devem ser aplicadas por nós, em nossas vidas e, em nossos ministérios.


Vejamos algumas “ lições que nos vem de Neemias “:


       1  .  Neemias era sensível a realidade de seu povo
Ao saber das condições que Jerusalém se encontrava, Neemias, “ lamenta e chora “. Sua sensibilidade lhe permitiu conhecer melhor o problema de sua nação, de seu povo. Sua sensibilidade não é meramente contemplativa, é quebrantadora e o conduz a ação.  Agora ele está disposto a trabalhar em benefício do seu povo.


Em nossos ministérios precisamos ser sensíveis a realidade de nosso povo, precisamos chorar e agir sob a ação do Espírito Santo.


É necessário ser sensível a voz do Espírito de Deus.

        2.      Neemias como um exemplo de piedade
Neemias era um homem piedoso “ ele orava e jejuava “. 


Diante da:

Dificuldade, Neemias orava 1.4
Consciência de pecado, Neemias orava 1.6-9
Afrontas e desprezo dos inimigos, Neemias orava 4.4
Em momento de fraqueza, ele orava 6.9

Grandes homens na história influenciaram vidas mediante a sua piedade, a saber: John Knox ( 1514-1572 )na Escócia e, Evans Roberts ( 1878–1951 ) no Pais de Gales , que, com oração, e entrega total a Deus presenciou um grande avivamento.


Nossos ministérios precisam ter a marca da oração, precisamos orar em todas as circunstancias. Não podemos esquecer o velho e bom conselho paulino “ Orai cem cessar “.


       3.      Neemias não perdeu a consciência de pecado ( hoje perdida POR MUITOS ) 

Neemias reconhece sua pecaminosidade, e por isso, se confessa, e  faz o mesmo em nome do seu povo 1.6-9.

Com este entendimento, Joseph Alleine (1634-1668) pastor puritano, insta seu público a meditar sobre o “número”, “gravidade”, “deformidade”, e “torpeza” de seus pecados.

Neemias sabia que antes da reedificação dos muros, era preciso o acerto com Deus e sua aliança. Era preciso a remoção dos entulhos. Não haveria reedificação sem confissão, sem arrependimento, sem mudança de atitude e mente.
Em nossos ministérios é preciso à remoção de entulhos.

 Horatius Bonar, em seu livro “ Recados para os Ganhadores de Alma “. Chama de castas ( pecados, vícios e todas as coisas que não agrada a Deus ) e que devem ser retiradas de nós.

        4.      Neemias foi um homem de ação
Neemias sabia que precisaria do apoio e do envolvimento do povo para reedificação. Por isso:
·         Convoca o povo
·         Estimula o povo
·         Mexe com o orgulho do povo, pois, o mesmo encontrava-se ferido.

Neemias era homem sábio, e por isso entende que não poderia fazer tudo sozinho, ele precisava do povo.

Sir Winston Churchill ( 18741965) foi um político, estadista, escritor, jornalista, orador e historiador britânico, famoso principalmente por sua atuação como primeiro-ministro do Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial. Ele foi primeiro-ministro por duas vezes (1940-45 e 1951-55). Ele é o único primeiro-ministro britânico a ter recebido o Prêmio Nobel de Literatura e o primeiro Cidadão Honorário dos Estados Unidos. Nos momentos de dificuldades, quando parecia que os inimigos alemães iriam vencer os ingleses, ele convocava, estimulava e mexia com o orgulho do SEU POVO, para resistirem, lutarem e assim vencer os inimigos. 

Churchill era um homem de ação.

Neemias era um homem de ação

Os missionários, pastores, presbíteros e diáconos devem ser homens de ação. Se quisermos crescimento, se desejamos uma comunidade forte, é preciso agir, e agir sob a ação e poder de Deus.


Neemias ainda fala, ouçamos sua voz e sigamos seu exemplo de:
Sensibilidade, piedade, consciência de pecado e ação.

Um comentário:

  1. ev.jairoreis@hotmail.com14 de janeiro de 2012 13:32

    gostei muito meu irmão das lições do texto esposto

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...